11 de agosto de 2013

Por mais que eu...

Por mais que eu me afaste meus pensamentos de você, minha mente traquina sempre acha um meio de voltar em ti. Por mais que eu ache desnecessário e critique as pessoas que dizem eu te amo toda hora, quando converso contigo é como se minha boca só soubesse dizer isso. Por mais que eu seja marrento e cabeça dura, com você eu sempre me humilho e corro atrás. Por mais que sejamos polos iguais de imãs que se repelem, sempre acabamos juntos pelo outro lado, de um outro jeito, de um novo angulo.” 
 
  Thiago Polycarpo.