27 de julho de 2013

Eu juro:

Eu juro: entre todas as coisas do mundo, se eu pudesse escolher uma só, eu escolheria você. Você, que me deixa mais leve, que acha graça de quando eu não consigo imitar tuas caretas, que no meio de uma conversa fica em silêncio e olha para mim e sorri sem parar. Você, que me coloca para dormir sussurrando palavras doces com a tua voz de sono e garantindo que mal algum vai acontecer comigo enquanto você estiver por perto. E, você sempre está. Sempre vai estar. Você, que com a tua chegada, deixou as estrelas mais próximas do céu. De mim. Me fazendo acreditar que a maior e mais bonita delas, eu tenho comigo: você. E, que seremos sempre assim: infinitos, como o brilho de cada uma delas.
Plenitude