6 de agosto de 2013

Ela chora...


Ela chora, aperta a minha mão. Me conta os problemas dela, olha meu olho e me chama de solução, seguro meu choro de emoção, prendo as lágrimas porque hoje pra te ver sorrir preciso bancar o durão. Ela deita no meu peito, peço aos anjos que nos deixem a sós, pois o trabalho deles ja foi feito. Agora eu, ela, ela, eu que tenho dó mas nem ligo, de cada pessoa que te perdeu. Deixo a janela aberta pra te ver melhor, busco a palavra certa pra te ver melhor, tu sabe que minha meta é só te ver melhor, te fazer melhor, porque você me fez melhor.” 
 
  Projota. (via felicidadeadois)